Gratidão e o Cérebro

Gratidão e o Cérebro

O que acontece no cérebro das pessoas que exercitam a gratidão activa?

Se não sabes o que é gratidão activa, lê o artigo anterior “Gratidão para além dos #hashtags“.

Foram feitos vários estudos onde os investigadores induzem a experiência de gratidão activa nos participantes e analisam o cérebro de cada um deles através de ressonância magnética funcional enquanto estão a experienciar gratidão.

 

O QUE DESCOBRIRAM?

 

::: 1 :::

Há uma activação das estruturas mediais do córtex pré-frontal que estão tipicamente envolvidas na socialização. Na formação de laços sociais e na empatia – no fundo, na capacidade que temos de nos colocar no lugar do outro.

A interpretação que os investigadores fizeram foi que a gratidão potencia a formação e fortalecimento das relações humanas.

Outra característica associada à actividade das estruturas mediais do córtex pré-frontal é a tranquilidade, o sentimento de relaxamento.

Logo, deduziram que a gratidão traz-nos tranquilidade.

E esta mesma área do cérebro está também associada a processos de regulação emocional, ou seja à redução do stress.

 

::: 2 :::

Evidenciou-se também uma maior activação do hipotálamo durante o processo de gratidão.

O hipotálamo é essencial na regulação de processos básicos, entre eles a regulação do stress. Isto levou os investigadores a interpretar novamente que o processo de gratidão reduz os níveis de stress.

 

::: 3 :::

Outra parte que é activada é o sistema dopaminérgico que faz a mediação de processos de motivação e prazer.

Quer isto dizer que a experiência da gratidão torna-nos mais motivados
e é prazerosa em si mesma.

 

RESUMINDO

Portanto, até agora temos:
– Promoção de:
– Empatia
– Tranquilidade
– Motivação
– Prazer
– E redução do stress

 

Cinco conclusões provenientes de evidência científica, ok?

 

OUTROS BENEFÍCIOS

– Melhora o sono
– Melhora a qualidade das relações românticas
– Melhora o funcionamento do sistema imunitário
– Promove uma maior motivação para realização de Actividade Física
– Aumenta níveis de bem-estar
– E, especificamente por associação à redução dos níveis de stress:
          – diminui o risco de enfarte do miocárdio
          – diminui o risco de derrames cerebrais
          – diminui o risco de doenças mentais como depressão, ansiedade e Alzheimer

Como vês, a gratidão traz benefícios para todas as dimensões da vida pessoal e da vida social.

Portanto, não praticares gratidão activa é desperdiçares a oportunidade de a cada dia melhores um pouco a tua saúde.

Como deu para perceber pelo conteúdo deste artigo, os efeitos da gratidão são observáveis cientificamente.

<tc>Voltar ao blog</tc>

Deixe um comentário

Tenha em atenção que os comentários necessitam de ser aprovados antes de serem publicados.